DISSONÂNCIAS ENTRE POPPER E KUHN APRESENTADAS ATRAVÉS DE SEIS QUESTÕES

Autores

  • Izabelle Larocca Corrêa Uninter
  • Rui Disssenha

Resumo

Karl Popper e Thomas Kuhn foram alguns dos maiores filósofos do século XX que dedicaram anos aos estudos do progresso científico, isto é, de como a ciência é feita. Todavia, muito embora tenham sido contemporâneos as obras realizadas por eles nos permitem observar com clareza que os métodos de cada autor para fazer ciência são totalmente divergentes. No entanto, ainda que as diferenças entre os dois filósofos sejam claramente perceptíveis é necessário contextualizar que Popper e Kuhn detinham a mesma formação inicial. Isto é, derivavam da mesma corrente de pensamento ou linha de pesquisa, a qual apresentava como principal objetivo livrar o discurso científico de qualquer forma de ambiguidade e com isto, romper com a metafísica. Partindo deste objetivo comum, Popper e Kuhn se dedicaram a estudar métodos capazes de adequar a lógica do raciocínio abstrato à lógica das experiências práticas. Popper, através da falseabilização e Kuhn através dos paradigmas. E a partir de então que as diferenças havidas entre eles começam a despontar, vez que Kuhn sempre valorizou os fatores externos no processo científico pois, a partir do meio e dos processos externos eram que os paradigmas – de que tanto fala em sua obra – eram formados. Popper por sua vez, só valorava os fatores internos no processo científico, pois apresentava como principal método de fazer ciência a testabilidade. Independentemente do método, há de se reconhecer que ambos filósofos são de grande valia e relevância até os dias atuais no mundo acadêmico, pois através dos seus legados podemos pensar e desenvolver um senso crítico de como a ciência pode ser, ou vem sendo produzida. Este texto realiza uma análise detalhada das dissonâncias fundamentais entre as concepções epistemológicas de Karl Popper e Thomas Kuhn no campo da filosofia da ciência. Ao explorar suas obras seminalmente, "A Lógica da Pesquisa Científica" e "A Estrutura das Revoluções Científicas", destacaremos as disparidades nos conceitos de método científico, natureza da verdade científica, e papel da comunidade científica na produção do conhecimento.

Downloads

Publicado

2023-11-01